404 not found

Vem cá: é só com a gente aqui, ou o google.com tá meio mal das pernas esses dias, hein? Difiícil de carregar google, orkut, youtube… Eu, hein? Como é que vive sem google???

***

Melhor elogio: “suas aulas foram muito afudê”. Excelente maneira de começar o dia — sobretudo depois de me decepcionar com a discussão dos alunos da graduação, na qual alguns sem-noção classificaram o corpo docente de “explendido” [sic], com aspas e tudo. Sei não qual é o problema com essas novas gerações…

***

Rapaz, exausta, exausta, exausta. Amém, hoje é terça-feira e não tem aula nem hoje, nem amanhã, nem depois, nem depois e eu posso imergir na tese — não sem antes bater a cabeça na parede que é pra ver se pega no tranco. Meu cansaço é mental — e como a mente tem raíz no corpo, físico. É muita coisa ao mesmo tempo (e eu sei que ando repetindo isto aqui, mas, pelamordedeus, é meu escoadouro de desabafos, ponho aqui e me sinto um pouco aliviada): é pensar a montagem de ficção para iniciantes, no 2º semestre (x2); pensá-la um pouco mais adiante para o 3º (x2); pensar as questões mais contemporâneas do roteiro e da narrativa para a pós; pensar o videogame como forma expressiva para a graduação em design de interfaces… E, claro, pensar no game, na narrativa, no Umwelt, na empatia, na ação, nos personagens… Na crise na fiRma, em como explicar aos alunos que em nenhum lugar do Brasil eles vão achar um curso perfeito, que os professores estão do lado deles… E também pensar na crise do ensino superior e técnico em geral, na falência da esquerda, na alta dos juros, no que será da minha carreira, nas contas a pagar… É sério: minha cabeça vai derreter.

Precisava voltar à Yoga. Ou melhor, acho que não tenho força física para a Yoga neste momento. Assim, sento em meia-lótus na sala, entôo a mantra Ohm algumas vezes, entôo a mantra Iyengar, respiro, tento, inutilmente, meditar, mas a tentativa em si é benéfica. És lo que puedo hacer orita para no ponerme louca — em bom portuñol.

***

E vocês não sabem como eu me sinto fresca, fraca, broca, me alquebrando com tão pouco. Mas quando me peguei querendo cozinhar para descansar a cabeça, entendi, de uma vez por todas que o cansaço é MENTAL. Misturar ingredientes tem me ajudado a levar a mente para outros lugares que não o pensamento analítico…

 

Uma resposta to “404 not found”

  1. julialopes Says:

    só tenho duas coisas pra dizer:

    “chupa que é de uva”

    e:

    “senta que é de menta”

    pois, pois. sei que tu vai me entender direitim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: